Germinação e desenvolvimento pós-seminal de cambuí (Myrciaria floribunda (H. West Ex Willd.) O. Berg.) in vitro

Autores

  • Hilda Rafaella da Silva Santos Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  • Leila de Paula Rezende Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  • Tatiana de Lima Salvador Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  • Ana Rosa de Oliveira Farias Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  • Débora Sofia Pimentel de Oliveira Universidade Federal de Alagoas (UFAL)
  • Eurico Eduardo Pinto de Lemos Universidade Federal de Alagoas (UFAL)

DOI:

https://doi.org/10.48017/dj.v7i3.2283

Palavras-chave:

Myrtacea, cambuizeiro, semente.

Resumo

A Myrciaria floribunda (H. West ex Willd.) O. Berg, conhecida como cambuí, é uma frutífera arbustiva, da família Myrtaceae. É propagada principalmente por sementes e apresenta lentidão e desuniformidade no processo germinativo. Para métodos de propagação assexuada, como o cultivo in vitro de M. floribunda O. Berg, há poucos relatos, necessitando de estudos mais aprofundados. O presente trabalho objetivou avaliar a germinação in vitro de sementes de M. floribunda O. Berg, em diferentes tempos de armazenamento, meios de cultivo e genótipos. As sementes foram retiradas de frutos maduros de M. floribunda O. Berg, cultivados no pomar experimental do CECA/UFAL em Rio Largo – AL. O delineamento foi inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4x2x2, sendo três tempos de armazenamento (refrigeração a ±8ºC por 7 dias; 15 dias e 30 dias) e temperatura ambiente por 24 h; dois meios de cultivo (ágar + sacarose e MS) e duas cores de genótipos de M. floribunda O. Berg (vermelho e laranja), 5 repetições e 3 sementes por parcela. O meio ágar + sacarose proporcionou maior porcentagem de germinação, comprimento de raiz e de parte aérea e o meio MS contribuiu para um maior número de folhas em plântulas de M. floribunda O. Berg. A viabilidade das sementes da frutífera em estudo, foi afetada por longos períodos de armazenamentos em temperaturas a ± 8°C. O tipo de genótipo (vermelho ou laranja) possui pouca ou nenhuma influência sobre as variáveis avaliadas.

Métricas

Carregando Métricas ...

Arquivos adicionais

Publicado

2022-07-02

Como Citar

da Silva Santos, H. R., de Paula Rezende, L. ., de Lima Salvador, T., de Oliveira Farias, A. R. ., Pimentel de Oliveira , D. S. ., & Pinto de Lemos, E. E. (2022). Germinação e desenvolvimento pós-seminal de cambuí (Myrciaria floribunda (H. West Ex Willd.) O. Berg.) in vitro. Diversitas Journal, 7(3). https://doi.org/10.48017/dj.v7i3.2283

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.