Influência dos tratamentos pré-germinativos, térmicos e regime de luz na germinação de sementes de moringa (Moringa oleifera Lam.)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48017/dj.v6i4.1712

Palavras-chave:

Quebra de dormência, regiões-semiáridas, silvicultura

Resumo

RESUMO: No atual cenário global de insegurança alimentar, a Moringa oleifera Lam. desempenha papel estratégico na indústria alimentícia, devido ao seu alto potencial nutritivo. Apesar da sua multiplicidade de usos, a espécie ainda é pouco difundida no Brasil. Assim, com este trabalho objetivou-se avaliar a germinação de sementes de moringa com diferentes métodos de superação de dormência, condições de temperatura e luminosidade, a fim de compreender o processo de recrutamento de plântulas. Foram elaborados dois experimentos (1) as sementes foram submetidas a três métodos para superação da dormência: controle, remoção do tegumento e imersão em água a 85º C, sendo determinado os percentuais, velocidade e tempo médio de germinação; (2) após tratamento com remoção do tegumento, as sementes foram semeadas em papel germitest e colocadas para germinar sob luz e escuro contínuo nas temperaturas de 20, 30 e 40º C. Conclui-se que a espécie apresenta sementes dormentes, destacando-se a remoção do tegumento como método eficiente para a quebra da dormência. As sementes de moringa são sensíveis à luz e sua germinação foi influenciada pela temperatura usada, apresentando maior vigor em condições de luz na temperatura de 30ºC.

PALAVRAS-CHAVE: quebra de dormência, regiões-semiáridas, silvicultura

 

ABSTRACT: In the current global scenario of food insecurity, Moringa oleifera Lam. plays a strategic role in the food industry, due to its high nutritional potential. Despite its multiplicity of uses, the species is still little known in Brazil. This work aimed to evaluate the germination of moringa seeds with different methods of overcoming dormancy, temperature and light conditions, in order to understand the seedling recruitment process. Two experiments were performed (1) the seeds were submitted to three methods to overcome the dormancy: control, tegument removal and immersion in water at 85º C, being determined the percentages, speed and average germination time. In the second experiment; (2after treatment with tegument removal, the seeds were sown in germitest paper and placed to germinate under light and continuous dark at temperatures of 20, 30 and 40º C. It was concluded that the species has dormant seeds, especially the removal of the integument as an efficient method to breaking dormancy. Moringa seeds are light sensitive and their germination was influenced by the temperature used, showing greater vigor in light conditions at 30ºC.

KEYWORDS: breaking dormancy, semiarid regions, silviculture.

Biografia do Autor

Thaís Ribeiro Costa, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri

Doutoranda em Ciência Florestal

Referências

ANWAR, F.S.; LATIF, M.; GILANI, A. H. Moringa oleifera: a food plant with multiple bio-chemical and medicinal uses- a review. Phytother. Res, v. 21, p. 17-25, 2007 https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1002/ptr.2023

ALVES, M. C. S.; MEDEIROS FILHO, S.; BEZERRA, A. M. E.; OLIVEIRA, V. C. Germinação de sementes e desenvolvimento de plântulas de Moringa oleifera L. em diferentes locais de germinação e submetidas à pré-embebição. Ciênc. agrotec. [online, v. 29, n.5, p.1083-1087, 2005. https://doi.org/10.1590/S1413-70542005000500025

ALVES, M. M.; ALVES, E. U., LIMA, M. L. S; RODRIGUES, C. M., SILVA, B. F. Germinação de sementes de Platymiscium floribundum vog. (Fabaceae) sob a influência da luz e temperaturas. Ciência Florestal, v. 26, n. 3, p. 971-978, 2016 https://dx.doi.org/10.5902/1980509824225

BAKKE, I.A.; SOUTO, J.S.; SOUTO P.C.; BAKKE A.O. Características de crescimento e valor forrageiro da moringa (Moringa oleifera Lam) submetida a diferentes adubos orgânicos e intervalos de corte. Engenharia Ambiental, v. 7, p. 113-114, 2010.

BEZERRA, A.M.E.; ALCANFOR, D.C.; MEDEIROS FILHO, S., INNECCO, R. Germinação de sementes de moringa (Moringa oleifera Lam.). Ciência Agronômica, v. 28, n. 2, p. 64-69, 1997.

BORTHWICK, H. A. History of phytochrome. In: MITRAKOS, K.; SHOROPSHIRE, W. (Eds.) Phytochrome. New York: Academic Press, p.3-23, 1972.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Regras para análise de sementes. Brasília: Mapa/ACS, 399 p, 2009.

CARDOSO, E. A.; ALVES, U. A., CAVALCANTE, I. H. L., FARIAS, S. G. G; SANTIAGO F. E. M. Métodos para superação de dormência em sementes de Leucena. Revista Ciência Agrária, v. 55, n.3, p. 220-224, 2012. http://dx.doi.org10.4322/rca.2012.062

CARVALHO, N. M.; NAKAGAWA J. Sementes: ciência, tecnologia e produção. 5. ed. Jaboticabal: Funep, 409 p, 2012.

CICERI, D.; ALLANORE, A. Local fertilizers to achieve food self-sufficiency in Africa. Science of the total environment, Amsterdã, v. 648, p. 669-680, 2019.

COUTINHO, D. J. G., SILVA, S. I. Morfologia de frutos, sementes e plântulas e germinação de duas espécies de Malpighiaceae ocorrentes na caatinga de Buíque (PE-Brasil). Natureza online, v. 15, n. 1, p. 078-087, 2017.

DIAS JN, FREIRE C. Quebra de dormência tegumentar na germinação de sementes de imbuia (Ocotea porosa (Nees; Mart.) Barroso, Lauraceae. InterfacEHS – Saúde, Meio Ambiente e Sustentabilidade, v. 12 , n.1, p. 1 – 11, 2017.

FERREIRA E. B.; CAVALCANTI. P. P.; NOGUEIRA D. A. ExpDes: Experimental Designs pacakge. R package version 1.1.2, 2013. https://sites.google.com/site/ericbferreira/unifal/downloads-1

FLORES, A. V.; BORGES, E. E. L.; GUIMARÃES, V. M.; ATAÍDE, G. M.; CASTRO R. V. O. Germinação de sementes de Melanoxylon brauna schott em diferentes temperaturas. Revista Árvore, v. 38, n. 6, 1147-1154, 2014 https://dx.doi.org/10.1590/S0100-67622014000600019

FREITAS, T. A. S.; NASCIMENTO, K. F.; REIS, A. V.; MENDONÇA, L. F. B. O.; SOUZA, L. S. Temperatura e fotoperíodo sobre a germinação de sementes de Poincianella pyramidalis (Tul.) L.P. Queiroz. Magistra, v. 30, p. 94-103, 2019.

GÓMEZ, A. V.; ANGULO, K. J. O. Revisión de las características y usos de la planta Moringa oleIfera. Investigación & Desarollo, v. 22, n. 2, p. 309- 330, 2014. http://dx.doi.org/10.14482/indes.22.2.6272

GONZÁLEZ, D. Moringa oleífera – La garantía de un futuro mejor. Revista ACPA – Órgano Oficial de la Asociación Cubana de Producción Animal – Artículos Técnicos Cuba, v. 3, p. 40-42, 2012.

GUALBERTO A. F., et al. Características, propriedades e potencialidades da moringa (Moringa oleifera Lam.) Aspectos agroecológicos. Revista Verde, v. 9, n. 5, p. 19-25, dez, 2014

KENDRICK, R. E., KRONENBERG, G. H. M. Photocontrol of seeds. In: Photomorphogenesis in plants. Dordrecht: Martinus Niljhofl., p.443-465, 1994

KLEIN, A.; FELIPPE, G.M. Efeito da luz na germinação de sementes de ervas invasoras. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 7, n. 26, p. 955-966, 1991.

LABOURIAU L. G. A germinação das sementes. Washington: Secretaria Geral da Organização dos Estados Americanos, 171p, 1983

MAGUIRE J. D. Speed of germination and in selection and evaluation from seeding emergence and vigor. Crop Science, v. 2, n. 2, p. 176- 177, 1962.

MARTÍN, C. et al. Potenciales aplicaciones de Moringa oleifera: Una revisión crítica. Pastos y Forrajes, v. 36, n. 2, abr, 2013.

MARTINS, V. D. et al. Pré-tratamento com luz e fitoquímicos na germinação de sementes e emergência de plântulas de Moringa oleífera Lam. Cadernos de Agroecologia –ISSN 2236-7934 -Anais do XI Congresso Brasileiro de Agroecologia, São Cristóvão, Sergipe, v. 15, n. 2, 2020.

MELO, A. S. Biometria de frutos e germinação de sementes de Moringa oleifera Lam. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Biológicas) - Centro de Formação de Professores, Universidade Federal de Campina Grande, Cajazeiras, Paraíba, Brasil, 35 f., 2017.

MELO JUNIOR, J. L. A; MELO L. D. F. A, FERREIRA V. M, ARAUJO NETO J. C. Germination and morphology of seeds and seedlings of Colubrina glandulosa Perkins after overcoming dormancy. Australian Journal of Crop Science, v. 12, p. 639-647, 2018. https://dx.doi.org/10.21475/ajcs.18.12.04.pne980

MENEGATTI, R.; MANTOVANI, A.; NAVROSKI, M. C.; GUOLLO, K.; VARGAS, O. F., SOUZA, A. G. Germinação de sementes de Mimosa scabrella Benth. submetidas a diferentes condições de temperatura, armazenamento e tratamentos pré-germinativos. Revista de Ciências Agrárias, v. 40, n. 2, p. 1-10, 2017 https://dx.doi.org/10.19084/RCA16153

NASSER, N. P. A.; SCHEEREN, N. B.; RAMOS, R. F.; BELLÉ, C.; NORA, D. D.; BETEMPS, D. L. Germinação de sementes de Bromelia antiacantha em diferentes fotoperíodos. Revista Eletrônica Científica da UERGS , v. 5, n. 3, 296-301, 2019 https://doi.org/10.21674/2448-0479.53.296-301

NEVES, J. M. G.; SILVA, H. P.; BRANDÃO JÚNIOR, D. S., MARTINS, E. R.; NUNES U. R. Padronização do teste de germinação para sementes de pinhão-manso. Revista Caatinga, Mossoró, v. 22, n. 4, p. 76-80, 2009.

NORONHA B. G.; MEDEIROS A. D.; PEREIRA M.D. Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de Moringa oleifera Lam. Ciência Florestal, v. 28, n. 1, p. 393-402, 2018. https://dx.doi.org/10.5902/1980509831615.

NORONHA, B. G.; MEDEIROS, A. D.; PEREIRA, M. D. Incremento de área em sementes de moringa durante a embebição por meio da análise de imagens. Ciência Florestal, v. 29, n. 1, p. 221-232, 2019. https://doi.org/10.5902/198050982728

OLIVEIRA, D.S.; XAVIER, D.S.F.; FARIAS, P.N.; BEZERRA, V.S.; PINTO, C.H.C.; SOUZA, L.; SANTOS, A.G.D.; OLIVEIRA, L.G.M. Obtenção do biodiesel através da transesterificação do óleo de Moringa oleífera Lam. Holos, v. 1, p. 49-61, 2012. https://doi.org/10.15628/holos.2012.803

OLIVEIRA, G. M. M.; MATIAS, J. R.; DANTAS, B. G. Temperatura ótima para germinação de sementes nativas da Caatinga. Informativo Abrates, v. 24, n. 3, p. 44-47, 2014.

OLIVEIRA, N.T.; NASCIMENTO, K.P.; GONÇALVES, B.O.; LIMA, F.C.; COSTA, A.LN. Tratamento de água com Moringa oleífera como coagulante/floculante natural. Revista Científica da Faculdade de Educação e Meio Ambiente, v. 9, n. 1, p. 373-382, 2018.https://doi.org/10.31072/rcf.v9i1.539

OLSON, M. E.; FAHEY, J. W. Moringa oleifera: un árbol multiusos para las zonas tropicales secas. Revista Mexicana de Biodiversid. México, p.1071–1082, 2011.

PACHECO, M. V.; ARAÚJO, F. S.; FERRARI, C. S.; BRUNO, R. L. A. Germinação de sementes de Combretum leprosum Mart. Revista Caatinga, v. 27, n. 1, p. 154-162, 2014.

PESQUISA DE ORÇAMENTOS FAMILIARES 2017-2018: primeiros resultados / IBGE, Coordenação de Trabalho e Rendimento. - Rio de Janeiro: IBGE, 69 p, 2019.

PÁRAMO-CALDERÓN, D. E. et al. Tortilla added with Moringa oleífera flour: Physicochemical, textureproperties and antioxidantcapacity. LWT, v. 100, p. 409-415, 2019.

PEREIRA, K. T. O.; SANTOS, B. R. V.; BENEDITO, C. P.; LOPES, E. G.; AQUINO, G. S. V. Germinação e vigor de sementes de Moringa oleifera Lam. em diferentes substratos e temperaturas. Revista Caatinga, v. 28, n. 2, 92 – 99, 2015.

PEREZ, S. C. J. G. A. Envoltórios. In: Ferreira AG, Borghetti F, organizadores. Germinação: do básico ao aplicado. Porto Alegre: Artmed, p. 125-134, 2004.

PIMENTEL, N. R.; PAULETTO, D.; CARVALHO, A.; SOUZA C.; SOUSA, V. S; SILVA, Á. F. Germinação de sementes de Moringa oleifera L. submetidas a diferentes substratos. Cadernos de Agroecologia – ISSN 2236-7934 - Anais do XI Congresso Brasileiro de Agroecologia, São Cristóvão, Sergipe - v. 15, n. 2, 2020.

PIVETA, G. M.; VANESSA, O.; PEDROSO, D. C.; MUNIZ, M. F. B.; BLUME, E., WIELEWICKI, A. P. Superação de dormência na qualidade de sementes e mudas: influência na produção de Senna multijuga (L. C. Rich.) Irwin & Barneby. Acta Amazonica, v. 40, n. 2, p. 281-288, 2010 https://dx.doi.org/10.1590/S0044-59672010000200006

RAMOS, M. G. C., et al. Efeito da luz e da temperatura na germinação de sementes de Mimosa bimucronata (DC) O. Kuntze. Revista Craibeiras de Agroecologia, v. 5, n. 1, p. e 9399, 2020.

RAMOS, M. G. D.; CRISOSTOMO, N. M. S.; SILVA C. L.; BERTO, T. S.; COSTA, E. A.; MELO JUNIOR, J. L. A.; MELO, L. D. F. A. Efeito da luz e temperatura na germinação de sementes de Enterolobium contortisiliquum (Vell.). Ciência Agrícola, v. 16, 59-63, 2018.

RANIERI, B. D.; NEGREIROS, D.; LANA, T. C.; PEZZINI, F. F.; FERNANDES, G. W. Fenologia reprodutiva, sazonalidade e germinação de Kielmeyera regalis Saddi (Clusiaceae), espécie endêmica dos campos rupestres da Cadeia do Espinhaço, Brasil. Acta Botanica Brasilica, v. 26, n. 3, 632-641, 2012. https://dx.doi.org/10.1590/S0102-33062012000300012

RASHID U., ANWAR F., ASHRAF M, SALEEM M, YUSUP S. Application of response surface methodology for optimizing transesterification of Moringa oleifera oil: Biodiesel production. Energy Conversion and Management, v. 52, 3034–3042, 2011.

ROCHA, A. P.; MATOS, V. P.; SENA, L. H. M; PACHECO, M. V.; FERREIRA, R. L. C. Métodos para superação da dormência em sementes de Garcinia gardneriana (Planch. & Triana) Zappi. Ciência Florestal, v. 28, n. 2, p. 505-514, 2018 . https://dx.doi.org/10.5902/1980509832031.

RODRIGUES, A. P. A. C.; KOHL, M. C.; PEDRINHO, D. R.; ARIAS, E. R. A; FAVERO S. Tratamentos para superar a dormência de sementes de Acacia mangium Willd. Acta Scientiarum: Agronomy, v. 30, n. 2, p. 279-283, 2008.

SILVA, L. S.; COSTA, T. R.; MOURA, C. C.; SANTOS, L. M.; MACHADO, E. L. M. Resposta germinativa de Vellozia cinerascens (Velloziaceae) a diferentes regimes de temperatura e luminosidade. Heringeriana, v. 13, n. 2, p. 40-51, 2019.

SILVA, R. C.; VIEIRA, E. S. N.; PANOBIANCO, M. Técnicas para superação da dormência de sementes de guanandi. Pesquisa Agropecuária Brasileira, v. 49, p. 719-727, 2014.

SOUZA, V.C.; LORENZI, H. Botânica Sistemática: Guia ilustrado para identificação das famílias de Fanerógamas nativas e exóticas no Brasil, baseado em APG II. 2. Ed. Nova Odessa: Instituto Plantarum, 704p, 2008.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia vegetal. 5.ed. Porto Alegre:Artemed, 954p, 2013.

VASCONCELOS, M. C. Moringa oleifera Lam.: aspectos morfométricos, fisiológicos e cultivo em gradiente de espaçamento. 2013. f. 65. Dissertação (mestrado em Agroecossistemas) - Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2013.

Downloads

Publicado

2021-10-19

Como Citar

Costa, T. R., Reis, V. C. da R., Ferreira, R. R., Silva, L. S. da, & Gonzaga, A. P. D. (2021). Influência dos tratamentos pré-germinativos, térmicos e regime de luz na germinação de sementes de moringa (Moringa oleifera Lam.). Diversitas Journal, 6(4), 3763–3778. https://doi.org/10.48017/dj.v6i4.1712

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)